O que é

O treinamento funcional é um método de trabalho ainda mais dinâmico que convencionais. Ele é caracterizado por mesclar diferentes capacidades físicas em um único exercício. Assim, o foco passa de um grupo muscular isolado para todo o corpo – os movimentos trabalham a força muscular, a flexibilidade, o sistema cardiorrespiratório, a coordenação motora e o equilíbrio.

Na academia há diversos aparelhos que trabalham um músculo por vez e, em geral, os praticantes não precisam pensar muito para realizar os exercícios. Mas para fazer o treinamento funcional são usados apenas alguns acessórios e os exercícios apresentam uma complexidade maior. Apesar dos benefícios do treino global, pode haver um risco maior para lesões.

O treinamento funcional deve respeitar e ser prescrito, levando em consideração os movimentos naturais que o corpo foi projetado, como: agachar, empurrar, girar, pular e correr. Se utilizar esses exercícios em seus treinamentos e combinar com suas variações, estará em um treinamento funcional.O melhor então é contar sempre com a supervisão de um especialista, um profissional de Educação Física.

Quem pode fazer?

Além de fatores como idade e sexo, a prática do treinamento funcional tem muito a ver com o histórico de cada praticante. Pessoas que, ao longo da vida, praticaram diversas modalidades esportivas e atividades físicas, certamente se adaptarão melhor a este tipo de treinamento.

Devido à complexidade envolvida, esse método não é um dos mais indicados para as pessoas previamente sedentárias. O ideal para este público é se preparar com exercícios mais simples, como a própria musculação, antes de se submeter ao treinamento.

Como é feito?

Devido à complexidade envolvida, esse método não é um dos mais indicados para as pessoas previamente sedentárias. Em alguns exercícios, a carga de trabalho é exercida pelo próprio peso do corpo somado ao equilíbrio. No entanto, também pode ser realizado com acessórios e até alguns equipamentos específicos que já existem no mercado. Entre os principais acessórios estão a bola suíça, o cinto de tração, a medicine bol, o bosu, o mini trampolim, a theraband e os cones.

Por onde começar o Treinamento Funcional?

Como exercícios funcionais não utilizam máquinas de peso fixo, a base são movimentos naturais e o peso do próprio corpo. Seja qualquer idade, sexo, peso, todos podem treinar funcionalmente.

A Academia PersonaFit tem profissionais capacitados para dar todo suporte para seus treinamento. Procure o melhor que lhe agradar e peça para mostrar-lhe alguns exercícios funcionais e suas variações. Comece a integrar esses exercícios em suas sessões. Com um bom treinamento seu corpo irá desenvolver e se adaptar aos novos estímulos, melhorando sua saúde e ganhando uma qualidade muscular.

Quais são os benefícios da modalidade?

  • Desenvolvimento da percepção dos movimentos;
  • Melhoria da postura geral durante os exercícios;
  • Melhoria do equilíbrio muscular (simetria);
  • Melhoria da eficiência dos movimentos;
  • Aumento da estabilidade da região core (saúde da coluna vertebral);
  • Melhoria do equilíbrio estático e dinâmico;
  • Aumento de força muscular;
  • Melhoria das estruturas afetadas por lesão;
  • Aumento da potência muscular;
  • Perda de peso;
  • Condicionamento físico;
  • Condicionamento físico para uma modalidade específica tais como triathlon, jiu jitsu, corrida de rua, ciclismo, caminhar, natação, entre outras.